segunda-feira, 30 de julho de 2007

Anjos distraídos

Normalmente sou avesso a grandes postagens (neste meu blog atemático, fique bem claro) ou textos completos, fora frases soltas sob livre interpretação. Mas quando ouvi este em um programa de televisão, gostei. Achei um tanto infantil, outro tanto auto motivassional (digamos que falar o obvio para quem está "desesperado" nunca foi meu conceito de literatura), mas gostei.

Então, para quem tiver paciência (sem referências do autor):


Era uma vez um anjo muito distraído, chamado Amorel, que recebeu uma incumbência de Deus:

- Amorel, acabo de inventar os humanos, eles estão classificados como homem e mulher. Cada um tem seu par e já estão todos alinhados de par em par. Pegue esta bandeja de humanos e leve para que eles habitem a Terra.

Amorel ficou contente, pois há muito tempo o Senhor não o chamava para tão nobre trabalho. O anjo pegou a bandeja e ao virar uma esquina lá no céu, trombou com uma anjinha chamada Amanda. A bandeja voou longe, e todos os casais de humanos se misturaram. Amorel e Amanda ficaram desesperados e foram contar para Deus o ocorrido.

O Senhor falou: - Vocês derrubaram, vocês juntarão!

E é por isso que a cada dia os casais se juntam e se separam. Os dois anjos trabalham incessantemente para que os casais originais se encontrem. O trabalho é muito difícil, tanto é que por muitas vezes eles juntam casais errados, pois os humanos espalhados ficam inquietos e cobram o serviço dos anjos o tempo todo. Quando os humanos se mostram muito desesperados, os anjos unem dois desesperados, mas logo depois percebem o engano e os separaram. E, por muitas vezes, está separação é brusca, pois não se tem tempo a perder.

Recebi um bilhete dos dois anjos e vou mandar pra você agora:

"Se você é um humano, queremos pedir desculpas pela nossa distração, pois errar não é só humano! Estamos trabalhando com empenho, porém, sempre contando com a ajuda de vocês. Não se desesperem, mas também não se isolem, tentem se mostrar realmente como são, pois a medida que cada um mostrar o que é de verdade, vai tornar o nosso trabalho mais fácil. Aproveitamos a oportunidade, para nos desculpar pelas separações abruptas, sabemos que elas geram muito transtorno, mas se nós o separamos de alguém, é por que em algum canto vimos alguém bem mais parecido e por isso precisamos isolá-los para facilitar o encontro. Fiquem com Deus."

2 comentários:

Helena Nascimento disse...

Ah, se eu pego esses 2!!!!


=P

ocasodoacaso disse...

Pelo visto meu par está do outro lado do mundo...ô bichinho difícil de encontrar...