domingo, 13 de abril de 2008

Mídia



Eu costumava ser pouco afeto a temas da moda, talvez pela simples descencibilização que tanta informação traga ao longo da vida, mas hoje confesso que estou algo preocupado com ambos es temas centrais: epidemia de dengue e assassinato da menina Isabella.

Preocupa mais a total falta de foco: não as atitudes positivas e prevencionistas necessárias, mas sim no sensacionalismo que os números trazem, na política envolvida, na demagogia dos demais poderes e na caça às bruxas dos culpados.

No segundo caso, a verdadeira novela da vida real, as pessoas que aglomeram-se na rua para xingar os acusados (vítimas até que prove-se o contrário, ou culpados na negligência na melhor das hipóteses), a total despreocupação com as outras duas crianças envolvidas ou com centenas de outras, vítimas fatais também de uma violência a qual já estamos acostumados.

3 comentários:

poetriz disse...

E todo mundo já esqueceu do menino que morreu ao ser arrastado, preso ao cinto de segurança, pelo carro da mãe recém sequestrado.

Assim como esqueceram que semana passada haviam crianças presas e algemadas em casa, refém de pais negligentes.

Assim como daqui uns 15 dias, todo mundo vai esquecer quem era Isabella.

Esse é o nosso país, infelizmente. =(

Bjinhos!

Ana Luisa disse...

Oie!!!

Essa é uma excelente argumentação..rs..concordo em número, gênero e grau.

O grande problema do Brasil é ser um país sem memória..[fatos muito bem lembrados pela Flávia]..hoje ovaciona-se a uns coitados, chamados de heróis da nave Big Brother, o que ocupa grande parte do cérebro do povo que recebeu notícias sobre os cartões corporativos [cuja informação já foi substituída].
Trata-se desesperadamente de combater a Dengue, mas esqueceran-se da Tuberculose que está invadindo as cidades com força total. Bom...se as lembranças não ficarem vivas através do governo, da população é que não vai.

Beijinhos.

Di disse...
Este comentário foi removido pelo autor.