sábado, 16 de janeiro de 2010

Sabado nublado

Pensando em tornar meu final de semana mais produtivo e mesmo descansar melhor, decidi não ir à praia nessa sexta. Noite tranquila, dormi bastante e acordei com o alarme (de sair de casa as 7h, já que o de acordar lembrei de desligar), usei minha habilidade pra dormir denovo e levantei as 10 e pouco.

Ainda tomando café da manhã toca o interfone. Meu tio que passou no cemitério e veio tirar algumas dúvidas da reforma. Como representante da família local e não de férias, ouvi bastante. Felizmente a conversa foi desviada para o trabalho recente e experiência anterior até o tempo terminar (ele tinha compromisso).

Almoço a sobra da geladeira e vim para a net até a conexão, pasmem, cair novamente. Otima oportunidade para me arrumar e ir ao dito cemitério olhar a quantas andava a construçãozinha. Acho muito interessante a diversidade de projetos, estátuas, gostos e afins a cada metro quadrado. Também ver os "nomes de ruas" enterrados é, no mínimo, engraçado.

Volta pelo bairro, mercearia pra repor o estoque de coca-cola, ligação da praia e aqui estou eu. So preciso preparar as tarefas da aula de formação do método DeRose, as quais deliberadamente tirei ferias há mais de mês e agora tenho prazos necessários.

Isso, sábado e a noite e domingo pela frente, hehe.

4 comentários:

Anna Flávia disse...

Meu final de semana quase sempre é improdutivo. Faço nada útil, afinal, já tenho 5 dias para isso. :P

poetriz disse...

Um fds pra curtir a preguiça...

Vanessa disse...

também fui ao cemitério...
tem uma tumba de 1850.... antiga....mais velha que a cidade....rsrssr que é de 1877. coisa do além....

landika disse...

Tava bem agitado seu finis...vem cá, tu não sabe cozinhar não?