quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

Sobre trabalho

Creio ser coerente pequeno esclarecimento sobre formação e atuação.

Por que diabos eu falo tanto de reuniões, computadores e afins? Primeiro pelo tema desse blog não ser técnico, ou o não-tema não ser doenças, exames ou atendimento médico. Creio que apenas uma vez fiz um (ou dois) post-desabafos sobre o tema, especificamente sobre atestados e afastamentos indevidos e outro sobre a gripe A.

Segundo por, hoje, trabalhar quase que exclusivamente com computador. As fichas dos pacientes são informatizadas, tanto histórico, exames complementares como campos para preenchimento do exame atual, encaminhamentos, pareceres, notificações, etc. Assim, sem o computador, ou sem a rede em que estão ligados, eu não trabalho.

Terceiro por, além da relação com os sistemas de informática, temos contato com outras áreas e respondemos por qualquer questão de saúde ou cujos processos envolvam nossa área, o que traz muitas reuniões, palestras e afins.

E finalmente, nesse ano, boa parte dos devidos programas, sistemas e processos estão sendo revistos e substituidos. Porém, ao invez de comprar o CDzinho e instalar, havera toda uma adaptação, configuração, transferência de dados e integração; e, claro, algém tem que dizer o que é necessário; adivinhem quem foi indicado da minha área?

5 comentários:

poetriz disse...

Obrigada pelo esclarecimento. =P

Alguém tem que ser bom em informática, alguém tem que ser cobaia!

Bjs

Liva disse...

Ah, sim, agora eu entendi.
Mas que saco, hein? :D

Gracyelly disse...

Relaxa pessoa! E não se preocupe tanto em dar explicações. Apenas faça. :)

landika disse...

Voce esqueceu de mencionar os beneficios e maleficios dos corretores de texto! :D

ana wants revenge disse...

medico?
sera que entendi? :P
beijos
.
.
.